Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Marcos de Paula Júnior
Membro I
Mensagens : 9
Data de inscrição : 27/11/2017
Idade : 36
Profissão : Biólogo/Autônomo
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4126

Reunião sobre a Lei de Ocupação do Solo - Plano Diretor

em Sex Dez 01, 2017 11:01 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Atualmente a lei diz que 30% do terreno tem que ficar descoberto para haver área de infiltração de águas de chuva. Porem o que acontece é que apos a regulamentação do imóvel o dono, em sua grande maioria, cimenta a área descoberta. E como não existe fiscalização eficiente isso "passa batido".
Minha proposta é criar alternativas viáveis que possam ajudar a melhorar o clima urbano itaunense e que ajude a resolver o problema do alagamento da avenida Jove Soares.
A primeira ideia que tive (mentira a ideia inicial foi do meu pai) foi de construir em frente a cada casa uma cisterna (sem medidas exatas ainda) sem fundo cheia de brita para que a água das chuvas possa penetrar no lençol freático.
Posteriormente conversando com meu pai tivemos a ideia de arborização com arvores frutíferas, para atrais fauna, nos quintais no lugar dos 30% descoberto.
Com essas duas medidas em forma de lei e se todo imóvel seguir teremos uma redução das enxurradas o que ajuda no problema dos alagamentos e a médio prazo teremos um clima mais úmido e ameno em Itaúna e o reaparecimento de fauna urbana (pássaros, micos, ect).
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum